terça-feira, 2 de janeiro de 2018

A arte de Amar

Edu Lobo (feat. Maria Bethânia) - Pra dizer adeus
Biscoito fino
https://www.youtube.com/channel/UC0MFq331Z7_CoSFimP84Mbw

~.~.~
imagem colhida na internet - flor Dente de Leão

A Arte de Amar

_"Quem nada conhece, nada ama._
_Quem, nada pode fazer, nada compreende._
_Quem nada compreende, nada vale._
_Mas quem compreende também ama, observa, vê..._
_Quanto mais conhecimento houver inerente numa coisa_
_tanto maior o amor..._
_Aquele que imagina que todos os frutos_
_amadurecem ao mesmo tempo, como as cerejas,_
_nada sabe a respeito das uvas."_
_PARACELSO_ 

Não sabe o que é o amor?
Não sabe conjugar um amor a dois?
Você ama os seus filhos? O quê você faz por eles? 
Faz acontecer o que sente? Sente e faz acontecer. 
Acontece sempre, precisando ou não. 
Está na confiança, no apoio, na proteção, no carinho, no amparo, no aconchego, na saúde e na doença, na sensação se paz e no futuro deles, livres, confiantes, sabendo o que querem de melhor e autônomos e independentes.

_"O amor é a preocupação ativa com a vida e o crescimento de quem amamos."_ _Erich Fromm_

Um homem não precisa de uma mulher para ter prazer e sexo, para isso tem muitas mulheres. 
Um homem não precisa de apenas uma mulher submissa e servil. 
Um homem que é homem, também pode lavar suas cuecas e roupas, cozinhar a sua comida, limpar a sua sujeira, fazer a sua faxina na casa, passar as roupas, jogar o lixo fora.

_"Paradoxalmente, ser capaz de estar sozinho é a condição para ser capaz de amar.”__Erich Fromm_

Um homem que trabalha fora e a mulher cuida da casa, ela tem o direito de receber satisfações, a metade do salário do homem e a manterem o controle orçamentário e financeiro juntos.

Quando um homem chega em casa tem que ter o reconhecimento além da obrigação, de servir o jantar a mulher e aos filhos, de lavar louça do jantar e dividir as tarefas. 
Por quê?  Porque a mulher não é uma escrava, não é uma empregada, não é uma mamãe de um homem. 
Porque a mulher também está cansada e tem os mesmos direitos ao descanso e ao lazer. 
Para compreender que se as tarefas forem feitas juntas será harmonioso ao casal e bem mais rápido na execução das tarefas. Poderão depois descansar namorando, assistindo seus programas favoritos.

Um homem sem uma mulher é manco de família, com ou sem filhos. 
Um homem que ama uma mulher se sente feliz com a risada sem graça e da voz desafina dela. Quando ela ri e canta é porque ela está feliz. Um homem que ama uma mulher fica triste, quando ela está triste, mas não pode se entristecer para animar a quem ama.

_"Amar com inteligência e de forma plena é o resultado de um ato deliberado."_ _Erich Fromm_

Um homem não pode só deixar de faltar a comida porque ele também come, não é a comida que ele ama, a comida ele gosta ou não gosta. 
Ele tem que sentir a falta da companhia, da doação de carinho e de afeto, da confiança, do respeito mútuo, da ternura de estar lado a lado. De andar nas ruas de mãos dadas, ser cavalheiro e gentil na chuva e sol, no frio e calor.

De massagear as nádegas da mulher com as cólicas menstruais. De servir um chá, um chocolate quando da tpm. Fazer o almoço, a janta, a faxina, a lição de casa com as crianças dele ou dela ou dos dois. 
Sabedor que tem as mesmas obrigações e não podem ficar doentes.
Ha uma relação de afetos, há relação amorosa. Mas, não há uma relação sexual. Essa doação mútua não existe.  Não há trocas no sexo em que cada um deseja o prazer para gozar só e para si mesmo. Nos doamos células somáticas para os filhos serem concebidos. Os homens possessivos traem as mulheres por sexo, por orgias. São extremamente ciumentos e inseguros porque não desejam ser traídos por sexo. As mulheres se tornam infiéis na busca da afetuosidade, da segurança e principalmente na confiança que perderam em seus parceiros. São sabedoras, além da satisfação sexual, da continuidade familiar e de manter o amparo aos seus dependentes.

_“O primeiro passo é tomar consciência de que o amor é uma arte, assim como a vida é uma arte. Se queremos aprender a amar, devemos proceder da mesma maneira que devemos proceder quando queremos aprender qualquer outro tipo de arte, como a música, a pintura, a carpintaria ou a arte da medicina”._
_Erich Fromm_

São amados os incentivadores dos sonhos e das realizações um do outro. Dizer: vai em frente, você vai conseguir a realização do teu sonho. A sua  realização é o nosso projeto de vida em comum. Conte comigo, vamos estudar juntos na cama. 
A cama não foi feita só para dormir e fazer sexo. A cama é a alcova das confidências, das revelações, da cumplicidade, das trocas de carinho e ternura. 
Um casal na cama tudo é possível sem sentir a vergonha de ter prazer, se sentirem respeitados nos limites dos  seus desejos, de se sentirem afetuosos, amados e felizes.

_"O amor é a única resposta para a nossa existência, é o sentimento que nos confere sentido, que confere significado também para a nossa sociedade."_ _Erich Fromm_

Se um homem não compreender, não pensar, não agir, não partilhar, não participar da convivência de um lar. 
Esse homem está fora de seu tempo e da harmonia de uma conjugação familiar.

Os egoístas são egoístas por escolha e por prazer. Eles não se amam, não amam os filhos, que manipulam pelos seus interesses e apenas desejam uma mulher pela posse. São mesquinhos imorais sem culpa ou empatia e incapazes convictos de doar sequer um bom sentimento.

_“O amor não é essencialmente uma relação com uma pessoa específica; é uma atitude, uma orientação do caráter que determina o tipo de relação de uma pessoa com o mundo como totalidade, não como um objeto amoroso”._
_Erich Fromm_
_É paradoxal que dois seres se tornem um e, ao mesmo tempo, continuem sendo dois.
Essa forma de amar, que se baseia na necessidade, é patológica para Fromm. Significa não cuidar de si mesmo nem se entender, significa esperar que os outros se responsabilizem pelo que nós não somos capazes de procurar e que, na verdade, se insere na nossa parcela de responsabilidade._

Um homem e uma mulher tem projetos e sonhos em comum, tem um teto e as mesmas obrigações nas tarefas.
Confiam um no outro nas finanças, na fidelidade familiar, em qualquer lugar sozinhos ou não.  Não se preocupam com a infidelidade sexual, se preocupam com o bem estar e com a família.

Se preocupam fazendo o melhor que são capazes, até ter o melhor para serem cada vez melhor um ao outro. 
Dizendo tudo o que pensam e sentem sem medo, sem constrangimentos em tudo, no sexo, nos sonhos, nos mal estares, na tristeza e na solidão. No respeito ao tempo de isolamento, da privacidade, do pensar necessário de cada um.

Se nada disso acontece sob o mesmo teto. Se não há o diálogo e a compreensão mútua, com os pedidos de desculpas sinceras, com a mudança nos comportamentos ofensivos e o mútuo sentimento de amizade.

_" O amor infantil segue o princípio: “Amo porque me amam”. 
O amor maduro obedece o princípio: “Me amam porque amo”. 
O amor imaturo diz: 
“Te amo porque preciso de você.” 
O amor maduro diz: 
“Preciso de você porque te amo”._
_Erich Fromm_

Um relacionamento pode ser tudo, mas se nada de tudo de amor acontece sob o mesmo teto. 
Não é o amor que sustenta um relacionamento, são os detalhes, as trocas miúdas, os olhares de cumplicidade e a melhor qualidade do conjunto do relacionamento. É o relacionamento saudável que sustenta e fortalece, no dia a dia da convivência, no sentimento de amor conjugal e num projeto de evolução na vida familiar em comum. 

_"O amor é uma atividade, não um efeito passivo; É um estar contínuo, não um arranque súbito."_
_Erich Fromm_

_"Estar apaixonado não deve ser um ato passivo, como quem se limita a se deixar levar, sem fazer mais nada. Pelo contrário, é um ato que envolve uma grande quantidade de movimento, vontade e troca para o prazer."_

Pode ser o tolo sonho de quem se transforma num pesadelo um ao outro. Mas não é um casal, se não é amor. É só um par de inimigos idiotizados, ignorando-se um ao outro, se obrigando a morar para guerrear e se destruírem juntos.
Um horrível exemplo de casal que não servem para serem copiados por ninguém. Principalmente, nem exemplos para os filhos, que irão identificar parceiros iguais aos seus pais nas relações adultas. Os filhos não se sabem que são reféns de uma família e tão pouco se sabem numa provável tragédia social. 

fonte:  A Arte de Amar 
http://estudioterraforte.com.br/wp-content/uploads/2013/07/arte-de-amar.pdf

Nenhum comentário:

Postar um comentário