sábado, 20 de fevereiro de 2016

para viver em nenhum de nós

Edu Lobo (feat. Maria Bethânia) Pra dizer adeus 
http://www.mariabethania.com/oartista.php - http://www.edulobo.com.br/site/
Biscoito Fino
http://www.biscoitofino.com.br/
~.~.~

Versatilid'Arte  - Luisa DalArtesa
Arte Contemporânea*Contemporary Art*الفن المعاصر*Art Contemporain*Arte Contemporanea*לאמנות עכשווית*ף‎דקסןםח פקםח*סמגנולוםםמו טסךףססעגמ*zeitgenצssische Kunst*nuntempa arto
luisaartesa.blogspot.com  
http://luisaartesa.blogspot.com.br/
~.~.~

para viver em nenhum de nós

e me dirás que tudo será passado
como os grãos de areia na chuva
na tua saudade que alegrava
no tempo que soprou a vida

e te direi que tudo está presente 
na vida nua que o vento sopra
no ciciar das folhas, na raiz que alimenta
as nossas estátuas de sal em maresia

e nos diremos que tudo será futuro
no sal da dor que refinará a vida
que passaremos das lágrimas ao suor
e seremos o passado de nossas vidas futuras 

e me dirás que tudo será mais-que-perfeito
do amor não passaremos e nos faremos
do sal da pele um sem tempo de vivermos sós
e como ninguém, tu não passarias sem amor

e sem um amor presente para o amar futuro
num arrepio da pele e um frio na espinha
eis o amar-se num infinitivo impessoal
e não há mais como conjugar-te o amor

se foram tantos segredos pelos olhos
pelas janelas secretas das estrelas 
que brilharam por tão longas esperas
por um vazio comum da inexistência   

fomos a estátua de grãos de sal
nos apagando de nossas pegadas
ainda que sejas o passado de si mesma
alguém pode amar-se o indefinível?

dos apaixonados por si mesmos
como a sombra entre o pecado e a perfídia
somente amar-se para viver em nenhum de nós

"o quê seria das pessoas tão perfeitas que a imperfeição alheia não incomode tanto?"